Caso Clínico | Tratamento osteopático postural beneficia criança

Nayanne Gisondi de Paula Souza | Docente do Instituto Docusse de Osteopatia e Terapia Manual – IDOT

O relato que será apresentado demonstra como a prevenção é importante, especialmente no caso de crianças. Ao diagnosticar e corrigir problemas ainda na infância, torna-se possível proporcionar mais qualidade de vida no presente e no futuro. Neste caso, a Osteopatia teve papel fundamental em possibilitar à criança exercer a atividade que mais gosta: o ballet.

Identificação da paciente: M. L. L. B, sexo feminino, 8 anos de idade, estudante.

Queixa principal: Tratamento para melhora da postura.

História da Doença Atual (HDA): Em decorrência de suas alterações posturais, a paciente apresentava dificuldade de exercer o ballet de forma plena, sendo incapaz de realizar todas as posturas implicadas nessa atividade.

Exame físico: Foram utilizados os testes pósturo-estático, pósturo-dinâmico, rotação de cabeça, Romberg e manobra de convergência podal.

Diagnóstico osteopático: Após a avaliação osteopática, o teste referencial utilizado (manobra de convergência podal), mostrou-se significante a interferência do captor podal da paciente. Sendo assim, realizando a avaliação de outros testes referenciais, na análise pósturo-estática (3 planos) observamos significativas alterações posturais, sobretudo no plano sagital, onde a paciente apresentou plano escapular anterior com 7 dedos, 6 dedos de flecha lombar e 8 dedos de flecha cervical, e no plano frontal valgos acentuados de joelhos.

Tratamento osteopático: A partir dessa avaliação, foi indicada a utilização das palmilhas posturais (palmilha retropulsiva com barra anterior) e retorno em 45 dias.

       

foto_artigo_tratamento_postural_crianca_01

Imagem 1: Avaliação Posturo-estática no plano sagital

Imagem 2: Repercussões de um plano anterior

Fonte: BRICOT, B. Posturologia Clínica. São Paulo: CIES Brasil, 2010.

Evolução: Em sua reavaliação, a paciente apresentou uma melhora significativa de todos os parâmetros, inclusive na queixa principal, que era melhorar a execução dos exercícios de ballet.

foto_artigo_tratamento_postural_crianca_02

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem 3: Avaliação Posturo-estática antes do tratamento

Imagem 4: Avaliação Posturo-estática após 45 dias do tratamento

foto_artigo_tratamento_postural_crianca_03

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem 5: Vista no plano frontal dos joelhos antes do tratamento

Imagem 6: Vista no plano frontal dos joelhos após 45 dias do tratamento

Sabemos que uma posição viciosa estática gera no corpo forças anormais contrárias, que favorecem a quebra de homeostase, contribuindo para a formação de doenças. Portanto, podemos concluir que um trabalho preventivo, principalmente em crianças, pode repercutir de forma benéfica para o aparelho locomotor, devolvendo seu equilíbrio e favorecendo seu processo de desenvolvimento.

Este relato de caso foi autorizado pela paciente e seu responsável (mãe).



Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>